Você adicionou um produto ao carrinho
Você adicionou a sua lista de compras. O que deseja fazer agora?
Continuar Comprando! Concluir Compra!
X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!

Olá, faça o seu login ou cadastre-se. Compre pelo telefone (37) 3213-2913

Tratamento com multicorrentes para acabar com a flacidez muscular

Tratamento com multicorrentes para acabar com a flacidez muscular
  • Compartilhe este post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

0 votos

Diversos fatores contribuem para essa condição; procedimentos estéticos podem ajudar

Sabe aquela sensação desconfortável que dá ao perceber a flacidez muscular? Infelizmente, isso é mais comum do que muitos gostariam.

Algumas vezes ela é resultado comum do sedentarismo, do chamado efeito sanfona e também se origina de outros fatores, como a idade, por exemplo.

No início da vida adulta, tanto mulheres quanto os homens precisam se exercitar, pois o organismo começa a trabalhar de uma forma mais lenta, em comparação ao seu funcionamento durante a infância e adolescência.

A produção natural de colágeno vai diminuindo ao longo dos anos, comprometendo a renovação dos tecidos. Além disso, modificações ocorrem na estrutura das fibras que compõe os músculos, com consequente redução do tônus muscular, resultando na flacidez corporal.

E embora o envelhecimento seja um dos principais causadores da flacidez muscular, assim como o sedentarismo e a variação de peso, eles não são os únicos responsáveis por essa condição.

Existem outros fatores que podem prejudicar e muito as estruturas da pele, como a exposição excessiva ao sol, por exemplo. Os raios ultravioletas danificam a epiderme e a derme, a camada mais profunda da pele.

E é exatamente na derme que se encontra o colágeno, uma proteína produzida pelo próprio organismo e responsável por manter a firmeza da pele.

Os raios de sol têm a capacidade de degenerar fibras elásticas e colágenas, prejudicando a sustentação da pele. Sem contar que a alimentação e o tabagismo também podem contribuir para a flacidez.

A fisioterapeuta dermato funcional, Thaís Rodrigues ressalta que o ideal sempre é prevenir, porém em muitos casos onde a pele se encontra flácida é possível recuperá-la por meio de recursos específicos como, por exemplo, radiofrequêncialuz pulsadaLED e microcorrentes, entre outros.

Entre essas diversas técnicas o uso de correntes tem se mostrado uma das mais eficientes para a melhora da flacidez muscular. Tecnologias como o Stimulus R, por exemplo, oferece a possibilidade de utilização de diversas correntes excitomotoras.

"No caso da flacidez, a estimulação dos músculos por meio dessa tecnologia proporciona uma hipertrofia que é resultada de estímulos que contraem a musculatura intercalados por períodos de repouso. Estes estímulos são aplicados em pontos estratégicos como regiões anteriores, posteriores e interno de coxas, no abdômen, glúteos e braços com intensidade e frequências apropriadas", explica.

Essas correntes geram contrações musculares involuntárias, ou seja, sem que o cliente tenha consciência de que irá fazer uma contração, com o objetivo de ativar os músculos sedentários, visando o ganho de tônus muscular.

De acordo com Thaís, os resultados podem ser visíveis já nas primeiras sessões, porém recomenda-se um tratamento de, pelo menos, oito semanas. Após esse período, aconselha-se dar sequência ao tratamento ou exercícios físicos para manutenção dos resultados.

Aliás, a consultora lembra ainda que os resultados variam de acordo com cada cliente.

 

Fonte: Dino

  • Compartilhe este post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Olá, deixe seu comentário para Tratamento com multicorrentes para acabar com a flacidez muscular

Enviando Comentário Fechar :/

Mais Vendidos

E-mail cadastrado com sucesso!